BRASILEIRO DE MX – Pista mista de Aracaju é desafio dos pilotos Honda

Traçado com dois tipos de terrenos (areia e terra) é a grande atração da etapa do fim de semana (21 e 22) em Sergipe


19/07/2012


ARACAJU (SE) – Os pilotos da Equipe Honda Mobil de Motocross, Hector Assunção (#30) e Thales Vilardi (#27), na MX2, e Wellington Garcia (#21) e Leandro Silva (#14), na MX1, voltam às atenções para o Campeonato Brasileiro de Motocross neste fim de semana (21 e 22) com a disputa da sexta etapa em Aracaju (SE).

Líder da categoria MX2 com 200 pontos, 28 a mais que o segundo colocado Eduardo Lima (#2), Hector espera manter a vantagem sobre o concorrente. “Não posso me acomodar, quero ser campeão do Brasileiro e por isso preciso trabalhar forte todos os dias. Cada etapa é uma batalha”, afirma o piloto.

Após duas vitórias na rodada passada, realizada em Sorriso (MT), Thales Vilardi quer continuar com a sequência positiva. “Estou me recuperando no campeonato. Fui muito bem na última etapa e consegui melhorar minha colocação. Como sofri uma lesão do braço e não corri duas etapas, acabei caindo na classificação e hoje estou em sexto. Quero voltar às primeiras colocações e quem sabe ficar entre os três melhores”, declara.

O forte calor do Nordeste é um grande ingrediente da sexta etapa. Depois de correr a final da Superliga Brasil de Motocross na fria cidade de Penha (SC), Wellington Garcia, terceiro colocado e melhor brasileiro na MX1 com 181 pontos, terá de superar o sol de Aracaju. “Particularmente, prefiro correr no calor. Já estou acostumado com isso. Goiânia é quente em grande parte do ano. Vai ser uma corrida difícil, em pista mista, mas estou confiante”, comenta o goiano.

A pista de 1.300 metros do Motódromo Jurinha Lobão é a atração do fim de semana de competições. O traçado misto é composto por areia e terra, o que traz mais dificuldade aos pilotos. Por isso, Leandro Silva treina forte em uma praia de Paranaguá (PR) para não ter surpresas. “Temos que achar um acerto da moto ideal para todo o circuito. Já iniciei minha preparação para corrida com treinos em terrenos na praia”, revela o paranaense, quinto colocado na MX1 com 171 pontos.

Quem também estará na capital sergipana é o norte-americano Sean Collier, piloto convidado Honda. “Tive uma adaptação muita rápida com a moto e consegui um bom resultado na Superliga. Estou bastante ansioso para correr a etapa do Brasileiro, pois será na praia”, afirma.

Satélites Honda

Os satélites Honda também marcarão presença no Motódromo Jurinha Lobão. Com 209 pontos, Adam Chatfield (#407), da Ipiranga IMS, está apenas um ponto atrás do líder Carlos Campano (#115) na classificação da MX1. Leonardo Lizott (#194), da Itamaracá One Industries, é o quarto colocado na MX2 com 145 pontos. Nas categorias de bases, Fábio dos Santos (#87), Dunas Team, lidera a 150cc com 116 pontos, enquanto Gustavo Pessoa (#117), da Itamaracá One Industries, é o ponteiro da 180cc com 120 pontos.

Confira a lista completa dos satélites Honda que devem disputar a etapa de Aracaju (SE):

Ipiranga IMS: Adam Chatfield (MX1)
Itamacará One Industries: Humberto Martin (MX1), Leonardo Lizott (MX2) e Gustavo Pessoa (Júnior/180cc)
Dunas Team: Ismael Rojas (MX2), Endrews Armstrong (MX2) e Fabio dos Santos (Júnior/150cc)
LS Racing: Victor Feltz (MX2) e Mauriti Humberto Júnior (MX2)

A Equipe Honda Mobil tem apoio da Mobil, Pirelli, Oakley, Fox, Did, Protaper, Polisport, Orbital, Yoshimura e Galfer.

Serviço:
Campeonato Brasileiro de Motocross – 6ª etapa
Data: 21/7 e 22/7
Local: Motódromo Jurinha Lobão
Cidade: Aracaju (SE)


Assessoria de Imprensa Honda
Jornalistas responsáveis: Ricardo Ribeiro/Carolina Yada
Tel: (11) 3868-1245 
l ramal (30)

E-mail: carolina.yada@vipcomm.com.br
Site oficial: www.honda.com.br/equipehonda
Sala de imprensa: www.vipcomm.com.br/honda
Twitter: @equipehonda
Facebook: www.facebook.com/hondaracingbrasil